Notícia

Instalado o Diálogo Agro Pesqueiro de Ilhéus

O Instituto Nossa Ilhéus foi
convidado pela SEAP – Secretaria de Agricultura e Pesca de Ilhéus, para
integrar um grupo de diálogo que tem como objetivo discutir o desenvolvimento
do município a partir da superação das dificuldades agrossilvipecuárias e pesqueiras
que culminará com a elaboração de um Plano de Ação e Desenvolvimento Agro
pesqueiro único para a cidade perpassando governos.

O “Diálogo Agro Pesqueiro”
envolve várias Instituições sob a coordenação da SEAP, como a CEPLAC, EBDA,
COOFASULBA, Banco do Nordeste, Instituto Nossa Ilhéus, Instituto Floresta Viva,
Instituto Cabruca, Universidade Estadual de Santa Cruz – UESC, Instituto do
Meio Ambiente e Recursos Hídricos – INEMA, Serviço Brasileiro de Apoio às Micro
e Pequenas Empresas – SEBRAE, Delegacia Ambiental, ADAB, Sindicato Dos
Trabalhadores Rurais, Banco do Nordeste do Brasil – BNB, Banco do Brasil – BB,
Caixa Econômica Federal – CEF, Policia Ambiental, Comitê Gestor Território
Litoral Sul, Associação de Turismo de Ilhéus – ATIL, dentre outros.

Dentre as atividades do grupo já
aconteceram duas visitas vivenciais de boas práticas, sendo a primeira
realizada ao projeto Barro Preto de Conservação Produtiva, que é uma parceria
da CEPLAC, Prefeitura Municipal de Barro Preto e a Indústria MMars. A segunda
visita foi realizada a uma propriedade rural no município de Valença para
conhecer de perto a experiência com o Sistema
Agroflorestal, baseado no consórcio de cultivos.

Os encontros serão itinerantes e
acontecerão sempre às segundas-feiras. O secretário Sebastião Vivas, sempre
presente nos encontros, demonstra com essa iniciativa o seu compromisso com a
democracia participativa e diz que precisará de todas as instituições que
possam e queiram contribuir.